Emprego, carreira, propósito

Era pouco depois da meia-noite de um domingo no início de setembro quando ocorreu um incêndio em uma pequena padaria em Londres. O ano era 1666. Nesta mesma noite, o vento soprou as chamas em uma tempestade de fogo que varreu as partes centrais da cidade medieval. O incêndio deixou a maior parte de Londres em ruínas, incluindo a famosa Catedral de St. Paul, perto do centro da cidade.

Após a tragédia, várias pessoas e equipes começaram a trabalhar para recuperar a cidade e a maior parte de Londres foi reconstruída em 1671. Mas a nova catedral se tornaria um projeto longo prazo de 33 anos, supervisionado por cinco monarcas diferentes. É da reconstrução da Catedral de St. Paul que nasce a história dos três pedreiros que estou trazendo aqui neste texto para reflexão – sobre TRABALHO, CARREIRA E PROPÓSITO (CHAMADO).

Certa manhã, uma jovem caminhava pelo canteiro de obras a caminho da escola e viu três homens em um andaime assentando tijolos. Ela parou no primeiro homem e perguntou: “O que você está fazendo?” “Estou colocando tijolos”, disse o homem, “estou trabalhando duro para alimentar minha família.”

A garota continuou até onde o segundo homem estava. Mais uma vez, ela perguntou: “O que você está fazendo?” A resposta do segundo homem foi semelhante. “Estou construindo uma parede”, disse ele, “sou um construtor e estou trabalhando nesta catedral.”

A garota continuou até onde o terceiro homem estava trabalhando e fez a mesma pergunta, “O que você está fazendo?” O homem parou de assobiar para erguer os olhos e sorrir para ela. “Bem”, ele disse com orgulho em sua voz, “sou um construtor de catedrais. Estou construindo a casa de Deus.”

Esta história ilustra como três pessoas podem estar fazendo o mesmo trabalho, mas suas experiências podem ser muito diferentes. Nesta história, os três pedreiros têm crenças muito diferentes sobre o propósito de seu trabalho. O primeiro pedreiro tem um trabalho, colocar tijolos é algo que precisa ser feito, para ele receber o salário e alimentar a família. Este homem pode ter um emprego diferente no próximo mês ou no próximo ano. Ele só precisa pagar as contas.

O segundo homem tem uma carreira. Sim, o assentamento de tijolos paga as contas, mas também é a sua identidade. Ele é um construtor, desenvolvendo um conjunto de habilidades que o preparará para o sucesso futuro e provavelmente continuará trabalhando na construção durante a maior parte de sua vida profissional.

Agora, o terceiro homem tem o que poderíamos chamar de vocação ou chamado, e está mais próximo de viver por propósitos. Ele vê seu trabalho de colocação de tijolos como uma contribuição para algo muito maior do que ele. Colocar tijolos pode pagar as contas e talvez fazer parte de uma carreira que ele espera progredir, mas ele também realiza seu trabalho com um senso de significado.Cada tijolo que ele coloca é uma contribuição para um esforço maior de construção de um local de adoração.

Seu trabalho se alinha com sua identidade e com suas crenças. Ele está construindo a casa de Deus.

Um emprego, uma carreira ou uma vocação, qual você tem agora? Está satisfeito? Tem se preparado para curtir uma jornada que vai além de um emprego e carreira e vai em direção a chamados e propósitos?

Pense nisso, e nunca deixe de pensar!
Enjoy the joruney!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: