SONHAR, DEDICAR, ACERTAR, ERRAR, NÃO DESISTIR

Startups: Desafios, pecados e sucessos

Desafios

O principal desafio de uma startup no Brasil é que a mesma tem sido vista como uma empresa normal (Tradicional). Então, enfrentam-se dificuldades de ambiente, de realidades políticas que dificilmente mudam, das leis e de outros fatores como cultura organizacional.

Desta forma, procurei listar abaixo de forma rápida e resumida o que penso sobre estes tópicos.

Alguns exemplos de desafios:

  1. Burocracia e tempo para abertura de empresa;
  2. Carga tributária e juros altos para crédito;
  3. Abertura de conta e legalização financeira (contabilidade);
  4. Questões corporativas iguais as empresas tradicionais (Gestão de pessoas pelo mesmo RH; governança seguindo os mesmos critérios de empresas tradicionais; jurídico determinando contratos complexos);
  5. Gestão de processos para suportar a qualidade no crescimento (desde o começo é preciso implantar processos para suportar uma estabilidade saudável);
  6. Disputa com grandes players tradicionais. Hoje tem muita startup que já se tornou empresa alguns bons anos anos e continua recebendo aportes que poderiam ser investido em novas ideias;
  7. Suportar pressões do mercado e clientes (Baixar preços, desfocar o escopo do produto, espremer prazos);
  8. Duração do tempo de ciclo de vendas;
  9. Penetração nas unidades de negócio da empresa (Startups precisam conseguir navegar pelo labirinto da organização corporativa, sabendo quem são as pessoas certas para exercer o processo de colaboração.).

Pecados:

  1. Não ter plano de negócio;
  2. Criar produtos e serviços baseado em ideias próprias e não referente a necessidade dos clientes;
  3. Definir funcionalidades sem validar com possíveis clientes;
  4. Definir data de lançamento de produto, porém geralmente uma startup É UM PRODUTO e o negócio não é só um produto, ou seja, é necessário toda uma organização empresarial como formação de preço; definição de ganhos; planos de suporte, etc., antes de lançar a EMPRESA;
  5. Pensar em só ENTREGAR e está PRONTO! Não dar foco em testes, escalabilidade, automatizações, facilidade de migrações, etc);
  6. Cargos e funções tradicionais e estabelecer em um startup que tem outras necessidades;
  7. Agir na correria com base em plano de vendas e marketing (geralmente nos primeiros anos não tem clientes suficientes para validar isso);
  8. Gerir pela crise (Dizem que o melhor das startups é poder mudar estratégias rapidamente e testa-las antes de qualquer crise);
  9. A startup não escutar BONS NÃOS do mercado e de investidores fazem acreditar e dar continuidade em sonhos muito próximos dos impossíveis.

Sucessos:

  1. Gerar negócios com faturamentos;
  2. Conseguir um parceiro voltado a marketing e crescimento internacional para ampliar horizontes;
  3. Conceder participação aos envolvidos tornando todos DONOS com o objetivo de obter o máximo de empenho;
  4. Acertar formações de preços de produtos e serviços;
  5. No caso de startups que nascem dentro de empresas tradicionais, ser um spin-off totalmente segregado;
  6. Ter um produto inovador que não seja apenas uma invenção;
  7. Conseguir manter equipes nos 3 primeiros anos;
  8. Conseguir convocar os melhores profissionais do mercado a acreditarem neste “sonho”;
  9. Equipes capacitadas e sócios experientes;
  10. Acertar o “timing do negócio”;
  11. Sobreviver com dinheiro próprio

Por fim, o meu pensamento é:


O importante é assegurar de que existe uma demanda reprimida no mercado do qual uma invenção torne-se uma inovação (negócio). A partir daí, cabe dar o peso ideal para ideia, equipe, busca de talentos, modelo de negócios, recursos financeiros e principalmente timing.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

HTML básico é permitido. Seu endereço de e-mail não será publicado.

Assine este feed de comentários via RSS

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: